Círculo Polar Antártico

Com partida em Ushuaia e rumo às Ilhas Shetland do Sul, alcançando as Ilhas Aitcho & Pingüino, para logo continuar a navegação ao Circulo Polar. Desembarcamos em Punta Hannah, com a compania dos pinguins barbicha, corvos marinhos, pombas antárticas, petréis de Wilson, etc. Em seguida camos para a Ilha Decepción Avançamos ao Puerto Orne, um lugar que é ponto de reunião dos navios baleeiros e ao Puerto Neko e Baía Paraíso.

Circulo Polar Antártico no M/V Ortelius

12 dias - 11 noites

Uma viagem a Antártida descobrindo a Península junto à famosa Ilha Decepción e Bahia Paraiso e ingressando no Círculo Polar avistando fauna como cormoranes, petreles, pingüins barbijo, skúas, entre outros, chegando até Ilha Detaille.

Circulo Polar Antártico no M/V Ortelius

Se deseja chegar até o Círculo Polar Antártico lhe oferecemos 2 opçoes interessantes: uma viagem de 12 dias e outro de 15 dias. O primeiro cruzeiro de 12 dias – 11 noites parte do porto de Ushuaia ao Arquipélago das Ilhas Shetland do Sul, chegando até as Ilhas Aitcho & Pingüim, que ocupa 2 dias dedicados as Ilhass Shetland do Sul. A partir do dia 4 começamos a nossa viagem ao círculo polar, que levará-nos 5 dias de navegaçao para conhecê-lo bem. Nosso primeiro desembarco é em Punta Hannah, espera-nos uma abundante fauna, desde pingüins Barbijo, cormoranes imperiáis, pombas antárticas, petreles de Wilson, etc. Depois buscaremos baixar na Ilha Decepción.

Seguemos ao sul com destino Puerto Orne, ponto de encontro dos barcos de baleias, logo iremos à Puerto Neko e Bahia Paraíso. Navegaremos pelo impressionante Canal de Lemaire, mais tarde, se o tempo permite-nos, desceremos na Ilha Pleneau, que sera o nosso último atrativo antes de partir novamente em direçao norte, Cristal Sound, lugar caraterístico pelas suas montanhas elevadas e geleiras de grande porte. Antes de cambiar de rumbo, visitaremos a Ilha Detaille perto da costa Loubet. A volta a faremos pelo Canal de Neumayer e o estreito Gerlache, chegando ao arquipélao Melchior, na Bahia Dallman. Finalmente espera-nos Ushuaia, passando antes pelo Estreito de Drake, finaliçando uma aventura antártica pelo círculo polar.

12 dias - 11 noites

Dia 1 - Ushuaia, Canal de Beagle

Pela tarde embarcaremos-nos em Ushuaia e navegaremos pelo Canal de Beagle, ubicado no límite meridional de Sulamérica. Seus límites geográficos são a Ilha de Terra do Fogo no Norte e do oeste ao este variadas ilhas o delimitam, como é o caso de Navarino, Picton, Nova, Hoste, London, entre outras, que definem o límite sul do canal.

Dia 2 até 3 - Mar de Drake, Convergência Antártica, Ilhas Aitcho & Pingüino

Começaremos nossa rota de navegação ao agitado mar de Drake, atravessando seu Passagem do mesmo nome, também chamado mar de Hoces, que delimita Sulamérica com o continente Antártico, à altura do Cabo de Hornos e as Ilhas Shetland do Sul. Drake é a conexão entre o Océano Pacífico e o Mar de Scotia. Este passagem é muito conhecido pelas turbulentas águas que movem muito forte todas as embarcaçoes que a atravessam. Atravessaremos a convergência Antártica, também denominada Zona Frontal Polar Antártica, que é uma linha conhecida que envolver a Antártida em aquela área na qual as tíbias águas da região subantártica prevalecem sobre as geadas águas do Océano Glaciar Antártico. Logo, cruzaremos a Corrente Circumpolar Antártica que comunica aos Océanos Atlántico, Pacífico e Índico, conservando as águas cálidas longe do Continente Antártico.

Ali teremos a oportunidade de observar uma grande variedade de aves marinhas entre as quáis encontram-se diferentes espécies de Albatros (Errantes, Cinza e Negros) e de Petreles (Fulmares, Do Cabo, Wilson, Azúis e Antárticos). Se as condiçoes climáticas são aptas, a noite do terceiro dia estaremos em condiçoes de fazer o primeiro desembarco nas Ilhas Aitcho, também conhecidas como Ilhotes Aitcho, ou na Ilha Pingüin, também conhecida como Ilha Georges. Ambas encontram-se no arquipélago das Ilhas Shetland do Sul, delimitando ao Norte pelo Passagem Drake e ao Sul pelo estreito de Bransfield. Este arquipélago conta atualmente com três reclamaçoes suspendidas por parte de Argentina, Chile e o Reino Unido, pelo Tratado Antártico que protege os dereitos de soberania dos membros assinantes. Apesar das intensas correntes de ventos, e predomínio de névoa ao longo do dia, estas ilhas seguem oferecendo numerosos encantos naturáis entre a sua diversa flora e fauna. Pelo tanto, poderemos topar-nos com Pingüins Papúa, Barbijo e Petreles gigantes que alternan-se entre os líquenes, musgos e campins da região.

Dia 4 até 9 - Círculo Polar & Península Antártica

A partir deste dia começaremos o percorrido tradicional pelo Círculo Polar e a Península Antártica que será confirmado ao momento de fazer a travessia pelo Lider de Expedição a bordo. Quando a época estival conclui, a maioria dos pingüins começam deixam o território do ninho já que os jovens pingüins são grandes e já estão em condiçoes de ingressar ao mar para buscar elos mismos o alimento. Este é o periodo idéal de navegação a través do Círculo Polar Antártico, já que durante o mesmo poderemos avistar baleias, lobos marinhos e focas leopardo. Desceremos em Ponta Hannah, uma península estreita com um modelado particular que ascende até cimas agudas e profundas beiras verticáis de escarpados que oscilam entre os 30 e 50 metros de altura sobre o nivel do mar. Ali poderemos topar-nos com uma abundante fauna, procriada na mesma área, dos quáis destacam-se os Pingüins Barbijo, de Pico Vermelho, Frente Dourada, Cormoroes imperiáis, Pombas antárticas e Petreles de Wilson e gigantes, entre outros.

Também faremos o intento de desembarco na Ilha Decepción. Esta ilha é a cima da mais importante cratera vulcánica ativa que poderemos encontrar na cuenca do estreito de Bransfielg, e que originou ao longo do tempo um porto natural. Os amantes do trekking poderão fazer caminhadas pela Ilha enquanto a embarcação faz seu ingresso a Bahia Foster a través da única abertura de somente uns 150 metros de ancho: o Fole de Neptuno, o qual permite comunicar a grande bahia com o exterior. Poderemos encontrar na Ilha, grande quantidade de lagunas termáis com altas temperaturas, já que os grados da água da Bahia Foster são muito superiores a temperatura externa do mar. Na Ilha também poderemos visitar as ruínas da antiga estação baleeira norueguesa e avistar diferentes espécies de aves marinhas. Navegaremos ao Sul até encontrar-nos com o Porto Orne. Este era um antigo ponto de reunião de frotas baleeiras e buques de expedição. Destaca-se ali o cerro Nunatak Negro, também conhecido como o Semáforo da Antártida entre os navegantes. Este cerro de 200 metros é muito famoso porque não acumula neve, já que cai a pique e não deixa que a mesma possa assentar-se.

Poderemos apreciar deste ponto uma impressionante vista à Ilha escarpada de Cuverville, localiçada entre o relieve montanhoso da Península Antártica e a Ilha Danco. Esta oscura Ilha é também conhecida como Ilha de Cavelier de Cuverville, a qual, durante o verão, converte-se numa colônia que recebe grandes quantidades de Pingüins Papúa com fins reprodutivos. Continuaremos a nossa travessia até chegar à Porto Neko e Bahia Paraíso. Ambos são portos naturáis da Antártida utilizados pelas embarcaçoes para poder chegar ao continente. Porto Neko tem uma extensa praia de rípio que possui uma extensão rochosa que finaliza numa pendente tapada constantemente pela neve. Durante o trajeto pelos ambos pontos, tentaremos desembarcar em barcos zodiac para poder ver os grandes icebergs e o intérior de profundos fiordes que carateriçam a região. Teremos a oportunidade de navegar pelo imponente Canal de Lemaire, também chamado “o cemitério das geleiras” pela sua contínua ação de fusão de gelos. Este canal encontra-se encurralado entre geleiras, entre as quáis teremos a oportunidade de ver grandes quantidades de baleias, focas e gaivotas entre outros. O canal também tem grandes colunas que são consideradas por muitos visitantes como uma das belezas naturáis mais impressionantes do percorrido. Iremos em direção à Ilha Ptermann, que se encontra ao oeste da Península Antártica, e é onde poderemos encontrar a colônia mais austral de Pingüins Papúa. Logo, faremos um intento de desembarco na Ilha Pleneau, humilde ilhote de aproximadamente um kilómetro e meio, onde teremos a oportunidade de ver Lobos marinhos e baleias Minke e Finlândia, entre outros.

Continuaremos o trajeto em direção sul acompanhados pelas Ilhas Argentina ao sul do círculo polar onde encontraremos-nos com a impactante área de altas montanhas e grandes geleiras de Cristal Sound. Ali poderemos finalmente apreciar o ponto mais remoto do percorrido: a pequena ilha rochosa Detaille, localiçada frente à costa Loubet. Empreenderemos nosso regresso em direção Norte, esta vez pelo Canal de Neumayer e o estreito Gerlache para chegar finalmente ao arquipélago Melchior que está constituído por diferentes ilhas na Bahia Dallman. Este arquipélago tem uma base do mesmo nome que pertenece à território argentino. Ali, faremos nosso desembarco final em barcos zodiac, para ter a última oportunidade de navegar entre os icebergs e visualizar focas leopardo, focas caranguejeiros e baleias.

Dia 10 até 11 - Passagem de Drake

Novamente navegaremos pelo Passagem de Drake, considerando o cruce de menor extensão que divide ao continente Antártico do território Sulamericano.

Dia 12 - Regreso a Ushuaia

Arribaremos pela amanha a cidade mais austral do mundo: Ushuaia, localizada nas costas do Canal de Beagle na bahia do mesmo nome.

Informações Gerais

Circulo Polar Antartico

Informação Geral do Círculo Polar

Esta fronteira é um dos paralelos que delimitam os mapas do globo terrestre, encontra-se na latitude 66 ° 33 'Sul do Equador, marca o Território Antártico de acordo com uma das definições. O Círculo Polar Antártico experimenta um período de 24 horas de luz contínua de ao menos uma vez ao ano, isso significa que o Sol está por cima do horizonte um dia inteiro. A razão deste fenômeno é que o eixe da terra está inclinado 23,5 graus. Mas também há um dia em todo o ano que o Sol permanece abaixo da linha do horizonte, o motivo é o mesmo.

Clima

Nestas viagens pode-se esperar temperaturas abaixo dos 0 º C (32 º F), em parte porque as viagens ao Círculo Antártico são organizadas no verão. A razão disso é que nesta época do ano são limitadas as possibilidades de encontrar grandes placas de gelos que podem interferir em nosso programa.

Flora e Fauna

Ao sul do Canal de Lemaire, o clima da alta Antártida iguala ao da Baixa Antártida. Como consequência, a vegetação se torna mais escassa e espécies de pingüins antárticos, tais como os pingüins Adélie, lentamente substituem os pingüins Gentoo e Chinstrap. Mamíferos como baleias assassinas, baleias jubartes, focas leopardo e focas de Weddell são vistas com frequência durante nossas viagens ao Círculo Polar Antártico.

Mapa de Rota

 Circulo Polar Antártico no M/V Ortelius

Serviços

Todas as tarifas indicadas são por pessoa em dólares americanos, na cabine dupla twin. As tarifas em dólares aplicam-se para todas as ventas que façam fora de Europa. Se oferecera um 5% de desconto para reservas de um ou mais viagens consecutivas (exceto para o programa “Odisséia Atlántica”). Por favor, considere que todas as datas e tarifas estão sujeitas à possíveis cámbios. Todas as viagens operam com um mínimo de 70 passageiros. O “Plancius” pode acomodar até um máximo de 110 passageiros.

Ocupação individual (base single)

Todas as cabines estão disponíveis para ocupação SINGLE à 1.7 vezes o preço da mesma

Os serviços incluem:
  • Viagem a bordo da embarcação como se indica no roteiro
  • Todas as refeiçoes durante a viagem a bordo do cruzeiro, incluindo os aperitivos (café e chá)
  • Livre acesso de botas de chuva e raquetes de neve (calçado)
  • Traslado em serviço regular desde a embarcação até o aeroporto de Ushuaia (direitamente depois do desembarco)
  • Todas os passeios em terra e atividades durante toda a viagem barcos pequenos Zodiac
  • Programa de conversas e conferências por reconhecidos naturalistas e coordinação pelo experimentado equipe de expedição
  • Todos os impostos dos serviços e gastos portuários durante o programa
  • Material de leitura informativo antes da partida
Serviços não incluem:

Nenhuma tarifa aérea, tanto para vôos regulares ou vôos charter, nenhum serviço antes ou depois ao cruzeiro, traslados a embarcação; gastos de pasaporte e de visto; taxas governamentáis de chegada ou saída do pais, refeiçoes em terra, bagagem, cancelamento e seguro pessoal (o qual é muito recomendável), gastos por excesso de bagagem e qualquer outro gasto adicional de caráter pessoal, como lavanderia, bar, bebidas ou ligaçoes; assim como também a gorjeta ao final das viagens para garçoes e outro pessoal de serviço a bordo.


Contate-nos Reservar Baixar PDF